Pediatria

- Proporcionar o melhor clima possível durante a refeição.

- Aceitar a recusa com paciência e compreensão; não adotar estratégias repressoras nem punitivas, que podem gerar um clima ruim durante a refeição.

- Não insistir demais (no máximo uma ou duas vezes), não castigar nem “presentear” o bebê com recompensas para que ele coma.

- Acalmar-se e controlar o nível de ansiedade. A criança percebe e pode utilizar isso como estratégia para conseguir o que quer.

- Usar a autoridade, e não o autoritarismo, se a criança ficar agressiva. Procurar contê-la e acalmá-la.

- Respeitar o local e os horários das refeições para que a criança se acostume com a rotina.

- Deixar o bebê entrar em contato com os alimentos, pois isso estimula sua curiosidade e pode melhorar a aceitação.

- Conversar com o bebê enquanto ele come, explicando o que é cada coisa e contando histórias que envolvem os alimentos.

- Lembrar que a expressão facial vale muito mais do que aquilo que se diz ao bebê, que percebe tudo por meio dela.

Não esquecer de oferecer água quando a alimentação complementar se iniciar.

Filosofia

Desde a sua fundação a Orto-Ped mantém uma filosofia do melhor atendimento ao paciente. O atendimento é realizado por médicos que apresentam titulo de especialista na sua área garantindo uma boa qualidade de atendimento, com diagnóstico preciso auxiliados com os modernos exames complementares.

Treinamento

Visando ao constante aperfeiçoamento de seus profissionais, a ORTO-PED elaborou um cronograma de reuniões científicas  para apresentação de casos de maior complexidade. Nas reuniões científicas são também ministradas palestras de atualização para a equipe médica.

Empresarial

A Unidade de tratamento Multidisciplinar foi estruturada dentro da nova concepção do espaço arquitetônico, projetado para disponibilizar todas as terapias no mesmo local transmitindo conforto e dinamismo.